A magia da reciclagem

A magia da reciclagem

COMPARTILHE
/ 1678 0

Hoje em dia é difícil até de imaginar como era o mundo antes da invenção do automóvel. Ele encurtou distâncias e possibilitou um monte de outras inovações, mas hoje são vistos como “vilões” do meio ambiente pelo fato de seu motor movido a gasolina liberar carbono na atmosfera, contribuindo para o aquecimento global. Mas mesmo com o motor a gasolina, o automóvel não teria se popularizado tanto sem outra invenção, os pneus de borracha vulcanizada. Imagine um carro rodando com aquelas rodas de ferro usadas nas antigas carroças e carruagens?

A borracha, produzida a partir do látex, a seiva da seringueira, já era conhecida há séculos, mas apenas em 1839 o americano Charles Goodyear descobriu o processo de vulcanização, que utiliza o enxofre para tornar a borracha mais resistente. Se não fosse a vulcanização, o pneu do seu carro se desgastaria em poucos quilômetros, como a borracha escolar que apaga lápis. Desde então foram produzidos bilhões de pneus para equipar nossos automóveis, caminhões, ônibus, motos, bicicletas e até aviões. Mas assim como esquecemos a importância dos pneus para nossa sociedade motorizada, também esquecemos que quando eles não servem mais para rodar tem que ir pra algum lugar.

pneu-descartado

Foto: Kevin Talec/Flickr – Fonte

O destino dos pneus velhos se tornou um sério problema ambiental. Todos os anos, milhões vão parar em terrenos baldios, no leito de rios e córregos ou são incinerados, provocando graves consequências, como enchentes, focos do mosquito da dengue e maior quantidade de carbono e outros poluentes na atmosfera. No Brasil, desde 1999 a resolução 258 do Conselho Nacional do Meio Ambiente obriga as indústrias do setor a dar uma destinação ambientalmente correta aos pneus usados.

A tecnologia atual de reciclagem de pneus não permite que a borracha reciclada produza novos pneus, pois as suas propriedades se alteram. Mas há muita coisa que se pode fazer com eles. Além dos tradicionais balanços, eles podem virar ótimos vasos de plantas (saiba como fazer aqui , e após serem triturados por empresas especializadas, podem entrar na composição de asfalto e blocos de concreto e também nas solas de calçados.

A Timberland tem diversos calçados na linha Earthkeepers que utilizam borracha reciclada nos solados. Basta você ver se tem o selo Green Rubber quando for escolher o seu calçado. Esse selo significa que no solado há 42% de borracha de pneu reciclado. Clique aqui para conhecer melhor nossa linha Earthkeepers e use pneus para andar, só que desse vez, a pé!

Timberland EK Chukka 

 

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.