Lixo eletrônico: você sabe onde descartar seu computador ou celular velho?

Lixo eletrônico: você sabe onde descartar seu computador ou celular velho?

COMPARTILHE
/ 2253 0

Você sabe o que é lixo eletrônico? Neste caso não é o spam no seu e-mail nem os vírus de computador! Os nossos aparelhos eletrônicos, como computadores, televisores e telefones celulares, possuem componentes que, se descartados incorretamente, podem causar grandes danos ao meio ambiente, mas que destinados no lugar certo podem ser reciclados, preservando os recursos naturais. Falamos bastante aqui na sessão Earthkeepers do Blog da Timberland sobre lixo e reciclagem. Já mostramos que não é preciso lavar as embalagens recicláveis antes de destiná-las à coleta seletiva, como as garrafas plásticas recicladas se transformam em tecido e como é possível reciclar até o óleo de cozinha usado. Agora é a vez de mostrar como reciclar o lixo eletrônico!

São 50 milhões de toneladas de lixo eletrônico descartadas anualmente em todo o mundo, o que equivale a 5% do total de lixo produzido no planeta. E essa quantidade só cresce, já que não só os eletrônicos estão cada vez mais difundidos como eles são substituídos cada vez mais rápido. Pense, quantas vezes você já trocou seu aparelho celular? Lembra o que fez com os aparelhos antigos? Provavelmente deve estar esquecido na gaveta ou foi jogado no lixo comum, certo?

earthkeepers_lixo eletronico_01Catadores de São Paulo com computadores velhos descartados – Fonte

Um computador ou telefone celular é formado principalmente por materiais recicláveis comuns como plástico, vidro e metais ferrosos, que podem e devem ser reciclados. Mas o grande perigo são os metais pesados dos componentes, como o chumbo, mercúrio, cádmio e belírio, que podem trazer um grande prejuízo ambiental, contaminando o solo e a água e até provocando doenças. As placas, circuitos e chips dos aparelhos eletrônicos também possuem metais preciosos, de grande valor de mercado, como o ouro, platina e prata, além do cobre, que também é bem valorizado. Por isso, se voce jogar seu aparelho eletrônico no lixo comum, ele pode não apenas poluir o meio ambiente como também provocar sérios problemas à saúde dos catadores que quiserem recolher os componentes valiosos dos aparelhos. O mercúrio, por exemplo, provoca danos ao cérebro e ao fígado, enquanto o chumbo pode causar náuseas, perda de coordenação e memória e, em casos mais graves, até ao coma ou à morte.

A boa notícia é que já existem diversas iniciativas e projetos para o descarte correto e a manipulação segura do lixo eletrônico para destinar os componentes para reciclagem. A nova Política Nacional de Resíduos Sólidos, aprovada em 2010, estabalece regras para a gestão de todo o lixo produzido no Brasil, inclusive os resíduos de produtos eletrônicos. A lei estabelece que as empresas que produzem os eletrônicos são responsáveis por recolher e destinar corretamente para reciclagem os componentes dos produtos que chegarem ao final de sua vida útil, na chamada “logística reversa”. Mas além do fabricante, distribuidor, vendedor e consumidor também tem responsabilidades neste processo.

earthkeepers_lixo eletronico_02Os celulares e seus acessórios formam hoje boa parte do lixo eletrônico – Fonte

Você consumidor é responsável, portanto, para devolver seus eletrônicos velhos para que o fabricante os descarte corretamente. Mas você sabe como fazer isso? Já há pontos de coletas de aparelhos celulares e baterias, por exemplo, nas lojas das operadoras de telefonia e outros locais, e baterias e pilhas velhas, que são as maiores “vilãs” do meio ambiente, podem ser descartadas em diversos locais, como algumas redes de supermercados. Mas ainda não são todas as empresas que estão preparadas de fato para recolher esses materiais e destiná-los corretamente e com segurança.

Por isso, já surgem empresas e ONGs especializadas neste serviço, como a E-Lixo e a Ecobraz. Nos sites delas, você pode agendar a coleta ou saber quando haverá eventos e coletas na sua região para levar o seu lixo eletrônico. E se você está querendo trocar seu computador mas ele ainda tem condições de uso, uma ótima ideia é doá-lo para uma ONG que trabalhe com a democratização da tecnologia, destinando os computadores usados para comunidades de baixa renda. No Brasil, uma das mais antigas e conhecidas é o Comitê para a Democratização da Informática (CDI), confira como fazer a doação para eles.

Pois é, o lixo eletrônico é um problema sério mas a solução já está a um clique de distância! Só não vale jogar aparelhos eletrônicos, baterias e pilhas no lixo comum. O planeta agradece!

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.